Biblioteca do TCE/MA receberá o nome de Ignácio Rangel, membro da AML

Membros da AML e do TCE/MA discutem homenagem a Ignácio de Mourão Rangel

A Biblioteca do Tribunal de Contas do Maranhão (TCE/MA), que será inaugurada em breve, receberá o nome de Ignácio de Mourão Rangel, advogado, economista e escritor, que ocupou a Cadeira 26 da Academia Maranhense de Letras (AML). A iniciativa da corte maranhense tem por objetivo manter vivo o legado do acadêmico. 

Os detalhes da homenagem a Ignácio Rangel, falecido em 1994 aos 80 anos, foram tratados nesta quarta-feira (20) durante reunião entre membros da Academia e do TCE/MA quando a iniciativa foi formalizada. 

A inauguração da unidade do tribunal de contas está marcada para o dia 7 de junho, às 10h, na sede do TCE/MA, na avenida Carlos Cunha, em São Luís. 

O presidente da AML, o acadêmico Lourival Serejo, disse que a parceria firmada com o TCE/MA é apenas o começo de muitas ações que serão realizadas com objetivo de resgatar personalidades da história maranhense e proporcionar espaços de leitura e pesquisa para toda a sociedade. 

Ainda como parte das homenagens ao escritor, será realizada uma palestra sobre o intelectual maranhense e sua contribuição para o pensamento econômico brasileiro, a ser ministrada pelo acadêmico Joaquim Itapary, um estudioso da vida de Ignácio Rangel. 

O presidente do TCE, o conselheiro Washington Oliveira, destacou a importância da parceria com a AML como forma de criar espaços para difundir ideias e pensamentos sobre o Maranhão, e aproximar o tribunal da sociedade. 

O projeto do TCE prevê, ainda, uma campanha de doação de livros para a biblioteca, envolvendo os servidores da casa. Também serão adquiridos exemplares da obra de Ignácio Rangel para compor o acervo da biblioteca.